Partilhar

O que é bolha econômica

Por Yuri Ferreira. Atualizado: 20 janeiro 2017
O que é bolha econômica
Imagem: pco.org.br

Durante a leitura de periódicos ou quando assistimos o jornal na TV, muitas vezes nos deparamos com o termo bolha econômica. Esse fenômeno do capitalismo moderno é pai de muitas crises e de desestabilizações de mercado, como a crise econômica de 2008. Na perspectiva financeira e econômica, é cada vez mais comum observar a bolha especulativa afetando empresas, investidores, países e até blocos econômicos. Com uma série de fatores envolvidos no processo se surgimento da bolha especulativa, a compreensão desse evento econômico pode ser complexo, mas com um pouquinho de atenção e dedicação é fácil compreendê-lo. Nesse artigo feito por umComo, buscaremos te explicar o que é bolha econômica, também a compreensão de outros fatores da economia que farão você mais atento às dimensões da macroeconomia.

Também lhe pode interessar: O que é monopólio

Bolha Especulativa

Você com certeza já ouviu falar do termo especulação financeira, mas talvez não tenha certeza do que isso se trata na realidade. Especular, segundo os dicionários, é fazer “suposições sem ter bases concretas”. A especulação financeira ocorre quando determinados investidores (em geral os mais ricos) fazem avaliações e apostas em investimentos com sucesso incerto, manipulando as situações para reduzir o risco da aplicação. Os investidores criam um crescimento artificial para empresas, países e ações.

Um exemplo de especulação é a seguinte: imagine uma empresa que possui um pequeno crescimento, mas seu futuro é incerto; investidores e especuladores (os lobos) aplicam seus ativos na empresa e surge aí um crescimento observável. Pequenos investidores e pessoas que não tem grande conhecimento de investimento aplicam boa parte do seu dinheiro nessa nova empreitada. Geralmente, o dinheiro dos pequenos investidores é resultado de crédito bancário. A compra de ações aumenta com euforia. A bolha acontece porque o crescimento infla, mas ele não é sólido, ele é resultado de crédito bancário e de aplicações financeiras. Quando o crédito começa a ter que ser pago e os grandes investidores observam que é hora de parar com o investimento, eles retiram seu dinheiro e as ações da empresa perdem muito valor. É a bancarrota: a empresa cai, o pequeno investidor cai, tudo cai, menos os lobos, os pioneiros da atividade. Em escala maior, isso pode ocorrer com países, bolsas de valores, empresas, enfim.

Como prega a lei da oferta e demanda, o que ocorre é que através de crédito de investidores e dos bancos, cria-se a demanda para um produto cujo valor é artificial, supervalorizado e falso. Quem não usou crédito e soube sair no momento certo, ganhou dinheiro. Quem não o fez, perdeu muito de seus investimentos dentro da bolha. Aqueles que saíram no momento correto, tiveram um grande superávit às custas de um crescimento falso.

O que é bolha econômica - Bolha Especulativa
Imagem: jugandoainvertir.com.ar

Bolha imobiliária

A Bolha Imobiliária é, também, um dos mais comuns casos de crise de especulação financeira. Você sabe que a maioria das pessoas que compram a sua casa própria fazem isso através de financiamento. O financiamento é geralmente feito por uma instituição financeira bancária, por exemplo, sabemos que aqui no Brasil a Caixa Econômica Federal é responsável por grande parte dos empréstimos de dinheiro para compra de imóveis, certo?

A Bolha imobiliária funciona da seguinte maneira: o banco te empresta de dinheiro para comprar a casa e aumenta cada vez mais o valor da casa. Cada vez você paga mais pelo imóvel e cada vez o banco te empresta mais dinheiro. O problema é que muitas pessoas não pagam suas dívidas e o que acontece? Crise. Os juros sobem, os bancos que seguravam os empréstimos quebram e as casas são vendidas a valores pífios, porque os moradores não suportam pagar mais as dívidas. Esse foi o estopim pro início da Crise Econômica Mundial de 2008.

Em 2008, observamos isso acontecer. Casas que custavam US$50.000 antes da crise foram vendidas a US$1, com dívidas de hipoteca gigantescas. O gigantesco Lehman Brothers abriu falência, não havia mais crédito, o dinheiro reduziu sua circulação e muitas pessoas perderam suas casas e seus empregos. O mundo todo foi afetado e países como Portugal, Espanha e Grécia entraram em profunda recessão econômica graças à bolha especulativa. Hoje, esses países vivem em medidas de austeridade para conter essa queda de crescimento. Leia nosso artigo O que é austeridade para entender mais sobre as medidas que são tomadas para sair de um crise econômica.

Compreender o que é a bolha econômica e a bolha imobiliária é importantíssimo para entender as bases do capitalismo financeiro de especulação em que vivemos hoje em dia.

O que é bolha econômica - Bolha imobiliária

Se pretende ler mais artigos parecidos a O que é bolha econômica, recomendamos que entre na nossa categoria de Economia e Negócios.

Escrever comentário sobre O que é bolha econômica

O que lhe pareceu o artigo?

O que é bolha econômica
Imagem: pco.org.br
Imagem: jugandoainvertir.com.ar
1 de 3
O que é bolha econômica

Voltar ao topo da página