Partilhar

Como dar entrada no seguro DPVAT

 
Por Paula Cassandra. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como dar entrada no seguro DPVAT

Todas as pessoas que se envolvem em acidentes de trânsito, sejam elas vítimas ou responsáveis, têm direito ao seguro DPVAT, que tem o objetivo de cobrir as despesas médicas e mesmo indenizar casos de invalidez ou morte. Para saber como dar entrada no seguro DPVAT confira as dicas que o umComo.com.br tem para dar a respeito desse assunto. O procedimento é muito simples e gratuito, sendo que qualquer pessoa pode solicitar.

Também lhe pode interessar: Como pagar o DPVAT
Passos a seguir:
1

Diferente do que muitas pessoas acreditam, não é preciso ter um advogado para dar entrada no seguro DPVAT, uma vez que qualquer pessoa pode fazer isso, seja ela a vítima do acidente ou mesmo quem o provocou. Desse modo, é possível solicitar o valor necessário para pagar as despesas médicas. O DPVAT - Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre também cobre casos de invalidez e mesmo de morte. Além de pedestres, motoristas e passageiros têm direito a esse seguro.

2

O DPVAT é custeado por motoristas de todos os tipos de veículos, uma vez que o seguro deve ser pago junto com o IPVA - Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores. Para solicitar o dinheiro do seguro, basta que o indivíduo se dirija a qualquer agência dos Correios ou nos postos de atendimento do DPVAT, que existem em todos os estados brasileiros. Para encontrar o endereço mais próximo, pesquise no site https://www.seguradoralider.com.br/Pontos-de-Atendimento. Outra forma de saber onde dar entrada no seguro é ligando para o número 0800-022-1204.

Como dar entrada no seguro DPVAT - Passo 2
3

Além disso, as pessoas que desejam solicitar o seguro têm até três anos para fazê-lo e, depois que os documentos são entregues, o cidadão recebe o valor em até 30 dias após a solicitação. O dinheiro é depositado na conta corrente ou na conta poupança do solicitante. No caso de morte, é aconselhado que os beneficiários da vítima sejam os responsáveis pela solicitação, assim, eles recebem diretamente o dinheiro na sua conta. Em caso de morte, a indenização é de R$ 13,5 mil e quando a vítima sofre invalidez, conforme o seu caso, o valor pode ser no máximo o mesmo citado.

4

Já quanto ao valor máximo do reembolso para as vítimas pagarem as suas despesas hospitalares e médicas é de R$ 2,7 mil. No entanto, é preciso que tudo seja comprovado por meio de documentos. Desse modo, para conseguir a indenização por causa de acidente de trânsito, a pessoa deve apresentar os seguintes documentos: BO - Boletim de Ocorrência Policial original ou cópia autenticada, atendimento e/ou remoção pelo Corpo de Bombeiros, Polícia Rodoviária Federal, Anjos do Asfalto ou concessionárias de vias públicas ou similar.

Como dar entrada no seguro DPVAT - Passo 4
5

É aceite ainda um documento que comprove atendimento pela Polícia Militar ou Polícia Civil ou ainda remoção feita pelo SAMU, Defesa Civil, Inquérito Policial ou Aviso de sinistro em seguradora ou outro documento que comprove o acidente. A vítima deve apresentar também cópia da RG ou outro documento com foto, podendo ser certidão de casamento ou nascimento, bem como CPF, comprovante de residência boletim do primeiro atendimento médico-hospitalar ou relatório do médico ou dentista descrevendo os danos físicos e o tratamento feito pela vítima.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como dar entrada no seguro DPVAT, recomendamos que entre na nossa categoria de Finanças Pessoais.

Escrever comentário sobre Como dar entrada no seguro DPVAT

O que lhe pareceu o artigo?

Como dar entrada no seguro DPVAT
1 de 3
Como dar entrada no seguro DPVAT

Voltar ao topo da página